Bolo Caixinha de Jóias: Como cobrir um bolo quadrado com pasta americana?

Este bolo é um sucesso! Já fiz várias vezes e continua sendo uma ótima idéia para aniversários.

A caixa de presente já é fofa, mas quando sugere a famosa caixinha de jóias da Tiffany’s fica irresistível… <3 Quem não gostaria de ganhar uma?

bolo caixinha tiffany

Para que o bolo fique interessante, é importantíssimo que a caixa, que por definição é quadrada, fique realmente “quadrada”, com as quinas bem definidas.

Há várias maneiras de fazer isso e tudo começa com um bolo muito bem montado, que já esteja bem reto e com os ângulos bem definidos. Mesmo assim, as pontinhas podem ficar decepcionantes… E é aqui que entra a minha dica:

Tenho experimentado fazer a ponta das quinas de pasta, quase como um pequeno triângulo colado ao bolo e depois coberto com ganache ou glacê real. O efeito é incrível! Tome cuidado para não exagerar, porque a pasta pode aparecer. ;)

foto 1


foto 2

foto 3

 

 

Bolo da Semana: O Mar de Daniela

10595723_930319556984987_360102806_n

Sempre recebo fotos de bolos feitos pelas minhas queridas seguidoras e tive a ideia de postar aquele que mais chamou minha atenção aqui no blog. O que acham? =D

10609139_930319553651654_962179811_n

A ideia é poder interagir cada vez mais com vocês que me acompanham e também conhecer um pouquinho mais da história de cada uma de vocês.

10609214_930319563651653_510203781_n

O primeiro bolo que escolhi foi feito pela Daniela Zaraya Moraes. Ela mandou as fotos do bolo e contou porque escolheu esse bolo tão especial:

“Mestra! Seguem as fotos do bolo mais especial pra mim. Eu estava num momento muito complicado, tinha acabado de perder um amigo de 20 anos, e tinha que entregar. Fiz uma oração, pedi pra Deus para o trabalho sair bonito e bem feito, apesar da minha tristeza. Pedido atendido, todos gostaram e enquanto eu decorei o bolo, pude esquecer a tristeza pela perda do amigo. Foi uma terapia pra mim. Beijos!”

Me emocionei com a história da Daniela e amei o bolo! <3 <3 <3

10613847_930319546984988_1889208467_n

Quer ver o seu bolo aqui no blog? Mande a foto e conte como foi fazê-lo via mensagem privada lá no facebook:

https://www.facebook.com/otaviaboloebrigadeiro

Dicas: Como modelar uma bailarina em pasta americana?

O tema ballet faz sucesso com muitas meninas de todas as idades. E pode ser uma ideia relativamente simples de ser executada, considerando que a bonequinha vai ser a “atração” do bolo. A maior dificuldade nestes casos pode ser a modelagem do corpo da boneca, se a você quiser colocar a bonequinha “dançando”.

bailarina para blog II

Uma dica muito legal, que aprendi em um curso com a Debbi Brown anos atrás, é a de modelar as pernas e deixá-las secando deitadas em um “montinho” de açúcar impalpável, o que faz com que elas não achatem e mantenham o formato de perna.Também é muito importante nestes casos usar uma pasta firme. Neste caso eu usei pasta americana misturada com massa elástica (que seca bem mais rápido!) e com um pouco mais de açúcar acrescentado. Como a massa estava mais dura tive que modelar bem rápido para evitar que rachasse! ;)

pernas ok

Esta técnica é importante sempre que o apoio da peça é mais estreito que o resto e precisa estar seco e ter boa resistência para o restante da modelagem. Já com as pernas secas, basta completar a bonequinha!

Ah, outro detalhe: Notem que o palito que sustenta a modelagem é grande. Estou usando palitos de algodão doce, compridos o suficiente para sustentar toda a boneca e transpassar o bolo todo.

bolo bale para blog

Decoração de Bolos com Pasta Americana: Tabela de Porções e Quantidade

Hoje, vou dividir com vocês duas tabelinhas que uso muito no dia a dia.

10603065_10204593877510752_581029326_nSão medidas aproximadas, nada super exato, mas perfeito para dar uma orientada na hora de calcular quanto de pasta americana será usada e como estimar a quantidade de porções de um bolo.

Sobre a quantidade de pasta americana, sempre vai variar bastante de acordo com a espessura da camada utilizada. Eu uso, em média, 3 a 4 milímetros.

Screen Shot 2014-08-13 at 1.50.54 PM   Screen Shot 2014-08-13 at 1.51.12 PMAcredito que essa dica super simples irá te ajudar bastante! =D

10589836_10204593876390724_663918894_n

 

 

Post Inspiração: Rachel Mount

10396520_10204013283516265_1505380811_n
Gente, vocês conhecem o trabalho lindo, inspirador e fora de série da Rachel Mount?
Vale a pena conhecer: www.rachelmount.com!
Ela tem uma historia muito legal: Aprendeu tudo sozinha testando técnicas, receitas, comprando livros e fazendo muitos bolos para amigos e família.
10419864_10204013284036278_572960497_n
Na minha opinião, é uma super artista e criadora de tendências. Super autêntica! Outro detalhe legal do trabalho dela é que até hoje, com mais de 20 anos de experiência, e fazendo bolos para celebridades mundo afora, ela trabalha sozinha, esculpindo cada um dos seus bolos!

Modelagem: Rostos em Pasta Americana

Hoje o post é para quem gosta de modelagem em pasta americana. 10409819_10203972248450414_1744367347_n Ok, é um pouco específico, mas acho que pode inspirar o pessoal que faz bolos decorados. Hoje vou falar só do rostinho. Talvez seja bacana para o pessoal que já tentou fazer alguma coisa antes e está familiarizado com os materiais que usamos.

Ando pesquisando bastante bonecos com mais expressão e deixando os rostinhos com mais detalhes. Este aqui foi super inspirado no trabalho da Maisie Parrish que é divina (http://www.maisieparrish.com)!

Usei pasta americana comprada pronta tingida no tom cor da pele e cola feita com 250 ml de água e 1 colher de chá de CMC (uma mistura que descansou algumas horas para ficar homogênea!). Como sempre, tudo começa com uma bolinha de pasta bem lisa. O primeiro passo é afinar ligeiramente um dos lados, como se você fosse fazer uma gota, mas deixando ainda tudo bem redondinho. 10357842_10203972250730471_1748451677_n Trace uma linha imaginária no meio do rostinho e marque os olhos com um boleador acima desta linha. 10361123_10203972251330486_978213818_n Em seguida, com a base de um bico de confeitar marque a boca abaixo da sua linha imaginária. 10364433_10203972251970502_340667393_n Com uma esteca Dresden marque os cantos da boca. 10396410_10203972252810523_1413691260_n A partir desta etapa, eu acho mais fácil continuar a modelagem com a cabeça já colada ao restante do corpinho. Preencha os olhos com duas bolinhas de pasta branca e faça o nariz: Uma bolinha bem pequena de pasta cor da pele que é modelada como uma gotinha. 10362380_10203972253930551_1235782184_n As pupilas são duas micro bolinhas (aqui pretas) e o detalhe importante para um olhar bacana é fazer uma pálpebra: De novo, uma micro bolinha de pasta cor da pele que é afinada nas pontas. Nesta etapa, cuidado com a cola e use muito pouco!!! 10361248_10203972254690570_2085425477_n O acabamento é feito com as orelhas e o detalhe da sobrancelha. O boneco não tem “cílios”, mas uma tirinha-mais-do-que-minúscula logo abaixo das pálpebras dá um charme!   10388320_10203972256210608_2070386127_a Feito. Boneco pronto! =D

Projeto pâtissier: mão na massa!

bolo1

A editora online da Revista Glamour, Paola Deodoro, veio fazer algumas aulas e aprendeu o bê-á-bá da decoração de bolos.

Confira o relato dela:

“Depois de entender a diferença entre as coberturas, as texturas e as aplicações mais indicadas na última aula, coloquei a mão na massa pra valer. E fiquei um bom tempinho acertando o tom ideal do pink para as flores. Escolhi dois modelos – uma mais arredondada, tipo margarida, e uma de pétalas mais pontudas. E olha o truque maravilhoso: usar um boleador – um instrumento pontiagudo com uma esfera na ponta – para “arrebitar” a flor. Assim, basta passar, com bastante amor e delicadeza, o boleador em todas as pétalas da flor, puxando de dentro para fora, até que elas levantem um pouco. Finaliza apertando o centro, levantando ainda mais as pétalas para deixar o bolo com mais movimento.

bolo3

Depois de “esculpir” as flores, a parte que mais me aterrorizava: a temida pasta americana. Sério. Como uma pasta com bastante rigidez consegue contornar um bolo com formato arredondado? Parecia uma empreitada quase impossível. E não é que funciona? É muito importante deixar a pasta na consistência perfeita. Abrir com o rolo em um tamanho maior que o bolo e alisar muito, para que a superfície fique livre de rugas ou acúmulos de massa. Depois, basta enrolar a massa em volta do rolo, posicionar sobre o bolo e abrir com muita calma nessa hora (!). É como se você fosse vestir o bolo, contornando a área com as mãos, para desfazer as pregas.

Descrever assim parece difícil, mas a pasta é mágica! Ela se ajusta superbem nos contornos e a única exigência é que seja realmente aplicada com delicadeza.

Ah, já ia esquecendo! Entre o bolo e a pasta americana é preciso colocar uma camada de glacê real, que funciona como uma cola. Ele também ajuda a fixar as flores sobre o bolo – e ainda faz as vezes do miolinho branco. Os coraçõeszinhos já estavam prontos. Peguei no superarsenal da Otavia – ela tem cada coisa linda que é de emocionar. Eles são feitos de papel de arroz, bonitinhos e comestíveis.”

bolo2

E então, aprovaram o bolo criado pela querida Paola? =D

Ficou com vontade de aprender também? Escreva pra gente lá na página do facebook:

http://www.facebook.com/otaviaboloebrigadeiro